"The Pains of Growing": Alessia Cara revela a dor de crescer em nova era

A cantora Alessia Cara completa mais um ano de vida hoje (11/7). Porém, quem ganha presente somos nós. Em comemoração, ela divulgou mais uma faixa do álbum The Pains of Growing, que será lançado por volta de setembro desse ano. Saiba o que esperar de sua nova era conforme o que já temos até agora. 

A última vencedora do Grammy na categoria de “Artista Revelação’ parece estar começando a sentir o peso do crescimento de sua carreira e da vida adulta. Acompanhado de batidas que seguem uma linha alternativa do Pop e R&B, “Growing Pains”, o primeiro single lançado da sua nova fase, fala sobre a pressão de ser jogada de um lugar para outro e o sentimento de não pertencer mais nem a sua própria casa. Fato representado muito bem no videoclipe, que representa a coerção social de forma artística e memorável.


Na nova era, a compositora expõe sua frustração com o sucesso, revelando que não está tão feliz com tudo que a cerca, mesmo depois de todas as conquistas. No trecho “Try to mend what's left of my content incomprehension as I take on the stress of the mess that I've made”, ela explica que a entrada nessa nova vida e toda a pressão a deixa confusa e com medo. Depois de ingressar em uma estrada nada comum na adolescência, agora aos 22 anos, começando a fase adulta, a cantora traz um trabalho completamente honesto de alto poder de identificação. Sendo uma celebridade ou uma pessoa comum dessa faixa etária, a angústia e crise ao se deparar com tantas responsabilidades é uma realidade. É aí que percebemos que Alessia é gente como a gente!

Mesmo utilizando o termo da “dor de crescer” como peça chave do novo trabalho, ela acredita que isso, de certo modo, irá passar e ainda fazê-la crescer. Também podemos esperar por um disco repleto de altos e baixos, com uma grande história por trás, segundo a sua entrevista para a Billboard. O álbum parece chegar com a proposta de expôr um lado profundo da cantora que nunca havíamos visto antes. 

“A Little More”, outra canção recém-lançada, apenas confirma a ideia. Ele se mostra muito diferente do último, tanto em seu significado quanto na melodia. Desta vez, tranquilidade é a palavra perfeita para descrever. As batidas mais perturbadas de "Growing Pains" agora dão espaço a um som suave carregado em instrumentos de corda.

Com esse trabalho, Alessia volta a falar sobre amor, com uma construção genuína e delicada. Aqui a cantora diz querer se conectar de um modo mais profundo com o parceiro. É uma faixa curta, apenas com 2min e 24s, mas com tamanho suficiente para realmente abraçar o coração de qualquer um. "A Little More" carrega as mesmas referências românticas de “Stars”, uma das músicas de seu álbum de estreia. As duas são mais lentas e falam sobre o desejo de conexão. Porém, a "A Little More" tem violinos e piano marcados e o desejo gira em torno da reconexão, ou seja, algo que ela perdeu e sente falta ao invés do que ela já tem e quer aprimorar.  

Após o sucesso de “Scars to Your Beautiful”, a cantora prova mais uma vez que sabe expressar o que sente através da composição. Ela consegue conciliar uma crítica social a tudo isso e ainda tornar algo harmônico aos ouvidos. Para a nova era, então, podemos esperar por uma melodia parecida  com o som que nos fez com que nos apaixonássemos pelo seu debutes, porém com letras ainda mais pessoais. É maravilhoso poder desfrutar dessa nova fase de Alessia Cara, saboreando as dores e prazeres da vida adulta junto a ela!