Itaipava De Som a Sol

Camila Cabello está amando intensamente nas músicas “Shameless” e “Liar”

Dois anos após o lançamento do hit “Havana”, Camila Cabello retorna aos holofotes com duas músicas, “Liar” e “Shameless”, que já veio acompanhada de um clipe. A era do álbum Romance promete abordar os diversos aspectos do amor. 

Lançamentos duplos são cada vez mais comuns na indústria musical, principalmente no pop. Essa estratégia é uma faca de dois gumes, pois pode garantir tanto dois hits quanto dois “fracassos”. No caso de Camila, “Shameless” pode ser interpretada como lead single por ter sido lançada junto de um clipe. Apesar disso, a cantora já confirmou com teasers que “Liar” também vai ganhar um vídeo. 

“Liar” tem uma produção bem latina, o começo tem um instrumental que lembra uma banda de mariachis. Já a letra aborda a negação de estar apaixonado por alguém, tendo constantes recaídas que são rotuladas como “essa vai ser a última vez”. O refrão é muito grudento e tem uma melodia que pega fácil. Apesar disso, a canção também soa muito como uma tentativa de fazer a “nova Havana”, provavelmente por causa das influências latinas, e a deixa com um ar de genérica.

“Shameless” é a prova da versatilidade de Camila, e merece ser o lead single da era. A letra fala sobre perceber que nutre sentimentos por alguém, e finalmente admitir isso. O primeiro destaque, no entanto, vai para a voz de Camila Cabello, que vai de uma interpretação sofrida, literalmente gritando por se sentir sufocada pelos sentimentos, para sussurros que mostram a sua dor.

A produção é mais dark, com um baixo que acompanha boa parte da canção. Os versos tem pouquíssimas mudanças, já o refrão varia entre gritos e sussurros, mostrando a intensidade e a confusão dos sentimentos. Apesar disso, após as frases “Eu preciso de você mais do que queria / Preciso de você mais do que queria”, uma quebra, que flerta com o eletrônico, entra e mostra que Camila não tem medo de surpreender com novas melodias. 

A ponte é outro destaque, pois é cantada como um sussurro, o que engrandece seu conteúdo, que tem frases como “Há apenas alguns centímetros entre nós / Eu quero que você ceda, eu quero que você ceda”. A combinação desses elementos cria uma atmosfera de desespero, de súplica.

A verdade é que se o álbum seguir a inovação que “Shameless” trouxe, podemos esperar um trabalho surpreendente, capaz de tornar Camila em um ícone pop. Assim, a era Romance promete composições ainda mais sinceras e pessoais sobre o amor, além da inserção de novas melodias que dão um toque de novidade ao repertório de Camila.