Itaipava De Som a Sol

Você vai se apaixonar pelo folk-pop do duo Radnor & Lee!


Lembra do Ted de How I Met Your Mother? Josh Radnor, que deu vida ao personagem na TV, está com um projeto folk-pop ao lado de seu amigo de longa data Ben Lee. A amizade deu vida a um duo de tirar o chapéu!

Josh Radnor sempre foi a favor de expandir seus horizontes através da arte. Ele já explorou os campos dos filmes e séries, dirigindo, atuando e roteirizando. Josh também já foi pros palcos do teatro, atuando até na Broadway, com The Graduate e Disgraced. Mas agora, ele quer ir para os palcos fazer outra coisa: tocar suas músicas ao lado do grande amigo Ben Lee. Como ele mesmo disse à Riff Magazine: “Eu certamente não queria me limitar à atuação. Então, comecei a escrever, dirigir e agora estou fazendo música e escrevendo um livro. Algumas histórias precisam ser contadas em um filme de 90 minutos ou em um teatro, mas outras precisam virar uma música de três minutos.”
Essa ambição de explorar novos caminhos sempre foi muito grande, mas só se estendeu para a área musical quando virou amigo do músico australiano, Ben Lee, que já fez muito sucesso mundo afora, dividindo palco com os Beastie Boys na sua antiga banda e fazendo muito sucesso também em sua carreira solo, que rendeu parcerias com Zooey Deschanel, Mandy Moore e Neil Finn.

Mas como essa amizade aconteceu? Bom, tudo começou quando os dois estavam bombando em meados de 2007 e 2008. Josh Radnor estava fazendo muito sucesso em How I Met Your Mother e Ben Lee estava promovendo seu sexto disco solo, Ripe, até que Carter Bays, criador da série, decidiu unir esses dois universos, com a ideia de colocar uma música de Ben na série. Infelizmente, não rolou. A gravadora do músico negou o pedido e Ben Lee, ao assistir a série e virar fã, não se conformou com o que a gravadora fez e decidiu ligar para Carter Bays se desculpando pelo ocorrido, que acabou convidando Ben para o set, e é claro que ele foi, afinal quem recusaria esse convite, não é mesmo? Lá ele conheceu Josh Radnor, que já era muito fã da música de Ben. E não deu outra: os dois conversaram por horas, continuaram se encontrando e depois de alguns meses, Ben até convidou Josh para seu casamento.

A partir daí, um bromance de anos foi sendo construído. Os dois se deram muito bem, tendo vários pontos em comum, como seus interesses por espiritualidade e sua origem judaica. Agora já com praticamente uma década de amizade, Ben Lee e Josh Radnor embarcam juntos em uma jornada musical que promete encantar muitos corações mundo afora. A amizade fundou uma parceria extremamente fascinante, que carrega o nome de “Radnor & Lee”.


Com o tempo, Josh Radnor foi aprendendo com Ben Lee mais sobre músicas e composições dentro deste ramo. Parece fácil, mas a adaptação dos roteiros cinematográficos para composições musicais não é nada fácil. Josh teve um grande tempo aprendendo a mesclar boas rimas e bons jogos poéticos com as demais melodias. Tudo isso levou cerca de três anos, mas pouco a pouco Josh e Ben foram colhendo bons frutos juntos, mesmo que ainda só por diversão naquela época. A primeira a surgir foi “Wilder Spaces”, depois veio “Be Like The Being”. E com o ótimo resultado, pensaram “por que não um álbum, não é mesmo?”. Foi aí que Radnor & Lee ganhou vida por completo.

O álbum debute autointitulado mostra como os dois foram destinados para este duo, através de uma sonoridade que flui naturalmente e viaja por atmosferas relaxantes e motivadoras. Falando muito de esperança, felicidade e espiritualidade, Radnor & Lee é acompanhado de um ritmo dinâmico proveniente de um folk-pop que une a harmonia de doces violinos e músicas para bater palmas em um clima festivo irrecusável. Há momentos de pura celebração e outros que seguem mais uma linha introspectiva de pensamento. Em ambos os lados, o duo constrói um clima extremamente cativante.


Agora, para a nossa alegria, aí vem notícia boa: Radnor & Lee irá trazer toda essa energia positiva para o nosso país em janeiro de 2018. A dupla se apresenta em cinco cidades brasileira entre os dias 16 e 21 de janeiro. Se você mora em Belo Horizonte, Curitiba, Limeira, São Paulo ou Rio de Janeiro, corre que ainda tem ingressos. Garanta já o seu!