Becky G se junta a Maluma para um hit reggaeton empoderado

Na última sexta-feira (19/04), o mundo parou com mais um grande hino do reggaeton. Desta vez, Becky G resolveu se juntar a Maluma para lançar mais um hit latino promissor. “La Respuesta” foge da temática superficial do gênero para abordar o empoderamento feminino. Você vai ser impactado pelo ritmo ardente da dupla!

Com a um bom equilíbrio de sintetizadores, a música segue o molde reggaeton de envolver e cativar o ouvinte, que facilmente vai estar acompanhando as palminhas do background e dançando junto. O grande diferencial do hit, no entanto, fica por conta da letra. Ao invés de focar na necessidade de estar com um parceiro, na idealização dele de modo sensual ou até na narração de relações problemáticas, o assunto principal aqui é o empoderamento feminino. Becky G constrói essa força feminina muito bem no clipe.

No vídeo, quando a artista mostra não precisar de nenhum homem em sua vida, o cenário que era em preto e branco, se torna colorido. O interessante é que toda a narrativa é ambientada em um cenário de influência anos 60, agregando muito à estética ao contexto. Trata-se de uma época em que essas questões de gênero ainda não eram discutidas em tal frequência como é hoje. Becky G, então, interpreta alguém muito a frente de seu tempo. Esse seu jeito de ser decidida reflete também em sua voz. Ela canta “Ando suelta, yo no necesito ni siquiera tu billetera” de forma forte e convicta.


Em meio a tanta independência, o cantor Maluma acaba de escanteio. Ele aparece poucas vezes, tanto com seus vocais, tanto de corpo no clipe. Porém, quando dá as caras, o faz para enaltecer ainda mais a sua amada. Mostra, através do personagem que interpreta em “La Respuesta”, que entendeu a mensagem, mas ainda diz que “estoy buscando una mujer independiente”. Esse é o pequeno resquício que temos de uma idealização da mulher, feito na maioria das outras faixas do reggaeton.

Por fim, “La Respuesta” é a típica formula do sucesso. Com a junção de dois nomes famosos, o ritmo dançante e além de tudo, a sensualidade que a envolve em todos os aspectos, é um grande potencial para estar no topo das paradas. Esta faixa e muitas outras que estão sendo lançadas provam que a cultura latina veio para ficar.