Metallica, Rancid e Duran Duran são os mitos do lineup do Lollapalooza


O Lollapalooza é muito reconhecido pela sua variedade musical e seu posicionamento de colocar no lineup diferentes artistas de diferentes gerações. Há muita banda nova para se conhecer no festival, porém este ano também está contando com algumas lendas da música que já vem nos conquistando há um bom tempo com seus grandes hits e longos anos de estrada. Cada um em seu respectivo gênero, Metallica, Rancid e Duran Duran representa bem essa parte do Lolla, gerando muita expectativa e curiosidade para o show dos caras.

Metallica


A banda norte americana de heavy metal já completa 36 anos e como todos sabem, já tem muita bagagem boa no currículo. Metallica é um dos headliners da primeira noite do festival e como é de se esperar, deve apresentar um dos shows mais energéticos do sábado, sem dúvida alguma. Os caras são simplesmente grandes ícones da música e tem tudo para agitar a galera com muito headbang.

Apesar do grupo já ser figurinha carimbada em terras tupiniquins, dessa vez os caras já vem com um repertório diferente, já que lançaram o décimo álbum deles no ano passado, o Hardwired...To Self Destruct, que agradou muito os fãs da banda. Portanto para o show, pode esperar se eletrizar e viajar pela carreira do Metallica, curtindo tanto as músicas mais clássicas como as mais novas. Claro que há uma nuvem de rejeição pra cima dos caras, vindo em sua grande maioria do público indie e suas divergências, porém qualquer pessoa que tente rebaixar o nível dos caras definitivamente não bate bem dos pinos, não é mesmo? Afinal, querendo ou não, Metallica é a maior atração de peso do festival. Portanto, recomendo ir curtir diferentes atrações sem preconceitos, porque já estando lá no Lollapalooza, “nothing else matters”. 

Rancid


Sabe quando eu falo de diversidade? Eu não estou brincando. Diferente de qualquer outro artista que vai tocar no festival, Rancid é conhecido por ser uma das principais bandas do punk rock e do ska punk, aglomerando muito respeito pelos seguidores do gênero.

Diferente do Metallica, a banda nunca veio para o país fazer algum show, então o que vier vai ser lucro, literalmente. O fato de tudo do show ser novidade para os brasileiros consegue encobrir o lance do Rancid ter lançado o último álbum somente em 2014. Considerando então que a galera tá com sede de ouvir o grupo tocando ao vivo, é de se esperar que eles toquem os melhores sucessos de suas carreiras, mesmo não sendo headliners. Definitivamente, vai ser um show de muita energia positiva, principalmente quando eles tocarem seus grandes tesouros, como “Time Bomb” e “Ruby Soho”. 

Duran Duran


Uma mistura de glam rock e new wave é o jeito certo para descrever o legado maravilhoso deixado por Duran Duran. Se – assim como eu – uma das suas metas a se completar é poder presenciar uma performance ao vivo de “Ordinary World”, o Lollapalooza parece ser sua melhor chance.

Sucesso na manga é o que não falta para Duran Duran, que sempre executa cada música com muita fervura e classe nas notas. O repertório para o Lollapalooza provavelmente vai ser bem grande e, por algum motivo, acredito que ela se encaixe perfeitamente no perfil de banda para encerrar o Palco Ônix com muita harmonia. Por mais que as das antigas ainda estejam anos luz na frente das músicas mais atuais do grupo, Duran Duran ainda pretende incluir um pouco de tudo no seu setlist, podendo agradar mais gente, já que agora estão mais próximos do synthpop do que nunca. É só esperar para ver, mas com certeza o set de Duran Duran será um dos mais emocionantes do festival.