Bonnie McKee continua fazendo a linha sexy-80's com "Wasted Youth"


Sol, piscina, pouca roupa, cores e mais cores, glitter, skate, objetos quebrando, jovens curtindo. E anos 80. Muito anos 80. Uma premissa batida, mas muito bem executada.


Se o nome Bonnie McKee não diz nada a você a princípio, é porque suas músicas de maior sucesso foram entregues a artistas como Katy Perry e Britney Spears. Desde 2006, Bonnie vem compondo algumas das principais músicas do cenário pop atual, como Teenage Dream e California Gurls, enquanto tenta também conquistar um público para si como cantora principal. Infelizmente – e infelizmente mesmo, porque ela é bem talentosa –, até hoje ela não conseguiu emplacar um hit, mesmo tendo lançado 1 álbum de estúdio e 2 EPs.
Em 2015, Bonnie saiu de sua gravadora Epic Records e lançou um EP independente intitulado Bombastic, que trouxe uma identidade puxada para os anos 80, visualmente e musicalmente. E se no clipe do primeiro single homônimo ela interpretava uma instrutora de vídeos de exercício filmados em formato VHS, em Wasted Youth ela só quer saber de curtir sua tão chamada juventude desperdiçada.


A ideia do clipe não é inovadora e não se pode dizer que não há nada no mercado parecido com o que foi feito ali, mas a execução foi bem acertada, principalmente em questão de direção de arte e fotografia. Tem muito beijo, muita pele, muita curtição californiana e a predominância evidente das cores rosa e azul e do contraste bem baixo. Sou apaixonado pelos filmes dos anos 80 – Ferris Bueller's Day Off  for life – e por tudo que envolve essa década, então não é nenhuma surpresa que acabei gostando bastante de assistir ao vídeo. E confesso que a beleza de Bonnie ajuda bastante, rs.

Quanto à musica, acredito que teria bastante potencial se fosse mais amplamente divulgada, já que os mid-tempos estão sempre em alta, conheci há pouco tempo e já está no repeat do meu celular. A batida me agrada muito, lembrando algo como Katy Perry meets Miley Cyrus, e a letra, apesar de simples, faz sentido para quem está nessa fase e ressalta a importância de não desperdiçar o tempo, pois a vida passa muito rápido. Só não consigo deixar de pensar que se a música fosse passada para a Katy, por exemplo, já estaria fácil no topo da Billboard, o que é uma pena.