Lady Gaga, Sam Smith e The Weeknd são indicados ao Oscar na categoria "Best Original Song"


Como muito já devem ter visto, as categorias do Oscar 2016 foram divulgadas hoje (14/01) e, na categoria de “Melhor Música Original”, além de três queridinhos do pop estão entre os nomeados: The Weeknd com “Earned It” (50 Tons de Cinza), Sam Smith com “Writing’s on the Wall” (007 Contra Spectre) e Lady Gaga com “Til It Happens to You” (The Hunting Ground).


The Weeknd – Earned It
Filme: 50 Tons de Cinza
Escritores: Abel Tesfaye, Stephan Moccio, Jason “DaHeala” Quenneville, Ahmad Balshe.
Produtores: Stephan Moccio, Jason “DaHeala” Quenneville.
Gravadora: Republic Records.
Com o vocal suave e refinado do cantor, The Weeknd, devido ao seu tom marcante de R&B, consegue criar um ambiente cheio de mistério e sensualidade, que tem tudo a ver com o filme e o próprio tão polêmico personagem Christian Grey.
A música foi um dos grandes sucessos de The Weeknd e teve uma ótima repercussão. Afinal música tão bem produzida e apropriada ao filme quanto esta não poderia ter resultados diferentes.

Sam Smith – Writing’s on the Wall
Filme: 007 Contra Spectre
Escritores: Sam Smith, Jimmy Napes.
Produtores: Jimmy Napes, Steve Fitzmaurice, Disclosure.
Gravadora: Capitol Records.
A dramática “Writing’s on the Wall” do Sam Smith também está na lista. Assim como os outros temas de James Bond, a música é marcada pelas grandes notas que, com a orquestra, gera um clima totalmente teatral e tocante.
Mesmo que, para melhorar ainda mais, uma explosão pudesse acontecer, acredito que essa música é uma das que realmente tem potencial para ganhar essa categoria, ainda mais com os vocais do Sam Smith, que nunca deixam a desejar.

Lady Gaga  – Til It Happens To You
Filme: The Hunting Ground
Escritores: Lady Gaga, Diane Warren.
Produtores: Lady Gaga.
Gravadora: Interscope Records.
Til It Happens To You foi provavelmente uma das músicas mais surpreendentes de 2015. Ninguém esperava uma balada de rock cheia de emoção, com vocais melancólicos de Lady Gaga.
Na minha opinião, das faixas indicadas, essa é a que tem mais potencial para vencer a categoria, pois a música chega a arrepiar qualquer ouvinte com as letras pesadas sobre abuso sexual – tema do documentário The Hunting Ground – e a vulnerabilidade e sinceridade de Lady Gaga ao cantá-la é o que faz dessa música um dos momentos mais épicos da carreira da cantora, que também já sofreu tal tipo de abuso.

Além dos três cantores, também concorrem “Manta Ray”, de J. Ralph & Anthony do documentário Racing Extinction, e “Simple Song #3”, de David Lang, do filme italiano La Giovinezza. A cerimônia acontece no dia 28 de fevereiro.